RSS Feed

Tag Archives: Munique

Melhor época para viajar

Posted on

Gosta de Neve ? Ou prefere Sol e calor ? Tudo colorido? ou tudo marrom ?
Eu gosto muito do Inverno e da Primavera.

O Inverno para muitos é sinônimo de frio, lareira e cobertor.
No meu caso, pensar no Inverno é pensar em diversão.
Sair para passear com os cachorros já se torna um programa divertido, ainda mais se esse passeio for com um Snowboard e em uma montanha. 🙂
Perai, mas nem tudo é diversão, tem dias que o “bicho pega”.O último Inverno 2011/12, tivemos noites com -20°C. Isso mesmo, Urso Polar usando casaco.
Sair de casa é uma novela, 30 minutos para terminar de colocar tanta roupa de frio.
A neve que era fofa e divertida, se transforma em uma verdadeira armadilha. Tudo congelado e escorregadio. Porém esse Inverno foi algo atípico, um dos mais frios dos últimos 30 anos.
A dica do Inverno é fugir do início (sem neve) e do final (neve derretendo, tudo sujo)
O ideal é no final de Janeiro, certeza de ter bastante neve, e a neve começa a derreter no finalzinho de Fevereiro, as vezes Março Gosta de Neve ? Ou prefere Sol e calor ? Tudo colorido? ou tudo marrom ?

Primavera: Sol e céu azul, pouca chuva e tudo colorido.
Um simples moleton resolve tudo e a certeza de ter otimas fotos no seu cartão de memória.
Acho legal o mês de Maio, pois a estação já ficou bem definida e é quando acontece algumas festas bem legais por aqui.

“Ah, eu adoro o Verão, calor,…”
O Verão por aqui é quente, quente mesmo. Tem dias, completamente abafados e sem uma brisa pra ajudar a refrescar. Se você está vindo para curtir os lagos da Bavária, ok. Porem se veio para fazer um “city-tour”, caminhando pelo centro da cidade, tenho pena de você. E olha que sou carioca, acostumado com o calor.
Além disso, temos uma grande instabilidade, com duas semanas de muito Sol e calor, e 3 ou 4 dias de chuva .

Outono: Admito que a paisagem é bucólica e bonita, com 400 toneladas de folhas secas espalhadas pelas ruas e calçadas. O problema dessa estação, é que temos um frio similar ao Inverno, porém sem neve.
Ok, mesmo não tendo temperaturas negativas, grande parte dos casacos que uso no Inverno, já começam a sair do armário nessa época.

Cursos de Alemão

Posted on

Se você só sabe contar “ein, zwei, drei” e pensa fazer um Curso de Alemão, essas dicas podem te ajudar. Já estudei em três diferentes instituições (particulares e públicas) e todas apresentavam diferentes metodos de ensino.
Tá vindo como turista ?
Visto de Turista é valido por 3 meses. Portanto o melhor, é fazer a matricula do curso pela internet, de preferência assim que forem abertas, deixando para embarcar para Alemanha uns 2 ou 3 dias antes. As turmas são formadas por 10 ou 15 alunos e essa capacidade é atingida já na primeira semana de inscrição.
Tendo tempo e dinheiro, você pode vir com o visto de estudante de 1 ano. Porém o processo é diferente, envolvendo Consulado Alemão, comprovação de renda para se manter por 1 ano na Alemanha, …aquela verdadeira burocracia.

Posso indicar dois cursos para turistas, infelizmente o terceiro além de ser apenas para residentes, tem duração de 6 meses.

– Münchner Volkshochschule ( € 230, por modulo)
3 horas por dia, Seg-Qui, 4 semanas
Mais opções de horarios e lugares, consequentemente mais vagas a disposição.
Gostei bastante desse curso, achei a forma de aprendizado mais fácil.
http://www.mvhs.de

– Deutsch Akademie ( € 265, por modulo)
3 horas por dia, Seg-Qui, 4 semanas
um pouco mais caro, tem poucas vagas e tem mais prestígio entre os alemães.
Achei esse curso um pouco acelerado, ao ponto que quando faltei 1 dia, no dia seguinte eu estava “boiando”, sem entender nada.
http://www.deutschakademie.de/muenchen/

Quanto gastar

Posted on

Munique definitivamente não é uma cidade barata, tornando a cidade alemã com o custo de vida mais alto. Quando pensamos nos Euros saindo da carteira, Munique só perde para Londres, Zurique e Paris. Assustado ? Pois bem, mesmo sendo uma cidade cara, não se compara aos absurdos cobrados em cidades como o Rio de Janeiro e São Paulo. Se usarmos como referência as grandes cidades brasileiras, tudo é mais barato por aqui. É o que costumo brincar: “tenho orgulho de ter amigos ricos brasileiros”.

Não sabe o quanto irá gastar por dia ? Pois bem, sem considerar os gastos de hospedagens, posso dizer que você irá gastar uma média de 60  por dia. Esses gastos diários seriam: transporte, almoço, cervejinha ou cafezinho pela rua e o jantar.

A melhor forma de pagamento continua sendo o bom e velho dinheiro. Cartão de Credito, apenas em grandes redes como McDonalds, C&A, Starbucks,… Por falar em cartão de credito, se você tem um American Express, esqueça. O Amex não é aceito em quase em nenhum lugar, dê preferência ao Mastercard e ao Visa.

Se precisar fazer um saque de dinheiro do cartão de crédito, procure caixas eletrônicos azuis, iguais aos da foto. Lembre-se que os cartões cobram uma taxa por cada saque.

Bons lugares para comer e beber

Posted on

Quer conhecer otimos lugares acompanhado da boa cerveja ?? E por que não almoçar também ?

As dicas abaixo são pontos turísticos obrigatórios, ok ?!

Vou começar por um lugar que eu particulamente gosto muito, porém é recomendado um bom tempo.

Se tiver aquele dia de sol e céu azul, não pense duas vezes. “Vamos para Chinesischen Turm !”

– Chinesischen Turm: é a grande Torre Chinesa situada dentro do Englische Garten. No entorno da grande torre, temos um enorme Biergarten. Ali, diversas familias sentam e almoçam comidas compradas no local ou preparadas em casa. Isso mesmo, você pode levar comida para todos os Biergarten. A única exigência é que você compre a cerveja no local.

Como chegar: Estação Giselastrasse (U3/U6) ou a Estação Universitat

 

– Hofbräuhaus: Foi fundada em 1589 pelo Duque William V da Bavária, sendo de uso exclusivo do Duque. Depois de quase 240 anos (ano de 1828), a cervejaria foi aberta ao público. Na Segunda Guerra Mundial toda a estrutura da cervejaria foi destruída num bombardeio, porém foi reconstruída em 1958.

O cardápio é composto de pratos típicos da Bavária, como carne de porco e vários tipos de salsichas. A cerveja mais tradicional é a “Helles”, servida em um canecão de 1 litro conhecido como “Mass”

Sua cerveja é muito famosa e procurada por todos os turistas que visitam Munique. A música típica alemã é tocada sem pausas, durante todo o dia, passando uma sensação de Oktoberfest. A cervejaria ainda possui um hino próprio cantando em  que é mais ou menos assim:”In München steht ein Hofbräuhaus, eins, zwei, g’suffa!” Seria um… “Em Munique, nós sentamos no Hofbräuhaus – um, dois, nós bebemos”

Como chegarqualquer U-bahn ou S-bahn para Marienplatz


O link do site: http://www.hofbraeuhaus.de/en/index_en.html

Oktoberfest

Posted on

Quando falamos em Munique, falamos da tradicional Oktoberfest alemã.

Ok, tem a Oktoberfest de Blumenau-SC, porém lembre-que Blumenau é uma colônia alemã.

A original e grande festa acontece anualmente em Munique, mais precisamente na area central de Theresienwiese.

A primeira Oktoberfest de Munique, aconteceu em “1800 e bolinhas”, e nada tinha a ver com a atual. Naquela época, tinha uma corrida de cavalos e campeonatos de tiro ao alvo, que serviam para comemorar o casamento do Príncipe herdeiro Luís com a Princesa Teresa.

Atualmente, o Festival reúne cerca de sete milhões de visitantes por ano nos 15 dias de festa.

A roupa típica da Bavária é usada por todos, inclusive os turistas. Obviamente que não é algo obrigatório, porém já que veio para a festa, entre no clima e vá como manda a tradição. As mulheres usam o Dirndl (vestido com avental colorido e com aquele decote. Ui,Ui,Ui). Os homens com a Lederhosen (calça de couro com suspensório e camisa de botão). O curioso sobre os trajes “Bayerische”, e´que eram usados apenas nas cidades do interior, no dia-a-dia e em casamentos e outras festas. A juventude de Munique considerava algo “caipira” e poucos usavam. Porém isso tudo começou a mudar de 10 anos pra cá, hoje a moda é usar os trajes.

Vai entender ? Enfim, não se espante ao encontrar mulheres e homens usando as roupas típicas no centro da cidade. Sou uma prova disso, meu casamento foi um casamento “Bayerische”, com todos usando as tradicionais roupas típicas. Afinal de contas, minha esposa é alemã, nascida e criada na Bavária.

Uma curiosidade sobre o Avental do Dirndl: o nó do avental é um indicador do estado civil da mulher. Quando a mulher usa um nó amarrado no lado esquerdo, isso indica que ela é solteira, um nó amarrado à direita significa que ela é casada ou comprometida, e um nó atado na parte de trás significa que a mulher é viúva.

Outra curiosidade: os alemães da Bavária não chamam o Festival de “Oktoberfest” e sim de “Wiesn”.

Chega de “Wikipédia Moments” e vamos ao que interessa, dicas sobre a Oktoberfest ou “Wiesn” (boa !)

– Como chegar: qualquer S-Bahn para “Hackerbrücke” (Ponte de Ferro). Dali em diante, siga a multidão por 400 metros e “Willkommen zum Oktoberfest”. Outra opção é o U-Bahn 4 e 5, descendo na própria Estação de Theresienwiese.

– Como funciona: O Festival da Cerveja acontece dentro das enormes tendas (se não me engano são 14 tendas). Portanto se for beber, dançar e ouvir as músicas tradicionais da Bavária, só lá dentro. Proibida a venda e consumo de cerveja do lado de fora das tendas.

Cada tenda leva a marca de uma Cervejaria, e todas produzem uma cerveja especial que é comercializada apenas no período da festa. Portanto, não pense que a Paulaner que você compra nos supermercados é a mesma da festa.

Vou tentar listar as tendas: Hippodrom, Armbrustschützen, Weinzelt (Tenda dos Vinhos. Quem vai pra Oktoberfest beber vinho ?!?), Bräurosl (mais familiar), Bräurosl, Schottenhamel (mais tradicional), Schützen, Löwenbräu, Hofbräu (preferida dos turistas), Augustiner, Winzerer Faehnd’l, Ochsenbraterei, Fischer-Vroni e a Kafer Wies’n-Schanke (Artistas, Jogadores, ..vip’s)

Além das tendas, temos um Parque de Diversão gigante. Montanha-Russa, Roda-Gigante, Carrossel, Trem-Fantasma, aquelas dezenas de “Roda-Roda, Vomita-Vomita”, Barracas de Comida, de Doces, de Tiro ao Alvo,…

– Horário de Funcionamento: todos os dias (em 2012 será 22/09 à 07/10) das 12hs às 22hs.

– DICAS !!!

A primeira e mais importante: chegue cedo. Isso mesmo, chegue no horário em que estiver abrindo os portões. Pois é certeza de encontrar lugar dentro das Tendas. Todo mundo adora chegar as 17, 18hs e ficar até fechar (22hs). Só que como você, ou outros 6.999.999 visitantes também desejam o mesmo. Claro que você poderá chegar as 18hs e ter seu lugar reservado, inclusive com seu nome e sobrenome na mesa. Só que pra isso, você já deveria ter reservado esse lugar (minimo 10 lugares para reserva) desde a festa do ano passado.

Um bônus para os que chegam cedo, é assistir a entrega dos Barris de Cerveja que é feita com as tradicionais carroças e seus imponentes cavalos. Rola uma disputa entre as Cervejarias para ver quem tem a carroça mais enfeitada, os cavalos mais bonitos,..bem legal.

Além do Desfile da Carroças, tem uma Apresentação de Tiro com uns Mini-Canhões “Schützen”.

A segunda e importante dica é tentar fugir da festa no final de semana. Curiosamente, os outros 6.999.999 visitantes que citei anteriormente, também preferem esses dias. Afinal de contas, o sujeito pode beber todas e sem se preocupar de acordar cedo no dia seguinte.

A terceira dica: vá com dinheiro na carteira e de preferencia trocado em notas de 10€. Isso irá facilitar sua vida e sem o risco de receber parte do troco em moedas. O valor da cerveja (caneca de 1 litro, não existe menor) varia de tenda para tenda. Algo de 8,40€ a 8,90€. A sugestão é você entregar uma nota de 10€ e não pegar o troco. Além de você garantir um atendimento eficiente no próximo pedido, eu duvido muito que você consiga beber mais que 3 litros nessa festa. Portanto serão 3 euros e pouco de gorjeta. Lembre-se que a gorjeta não é obrigatória e você poderá pegar seu 1€ de troco, porém a chance dessa garçonete atravessar a tenda inteira, carregando várias canecas para te atender será mínima.

♪ ♫ “Ein Prosit, ein Prosit

    Der Gemütlichkeit 

       Ein Prosit, ein Prosit

             Der Gemütlichkeit. ” ♪ 

link video: Oktoberfest 

Quer comer bem e gastar pouco?

Posted on

Se você não gosta muito de batatas, carne de porco, frango, salsichas, Bretzel (Pão enrolado) e cerveja, acredito que você esteja no lugar errado. Obvio que você pode optar por Saladas, Frutos do Mar, Crepes, Pizzas,..porém pense bem, se você está na “Terra da Cerveja”, por que pedir um Vinho Francês no Jantar ?!

Viktualienmarkt é a solução para seus problemas.

O Viktualienmarkt fica no centro de Munique, abre todos os dias e onde encontramos produtos frescos, de qualidade e com um bom preço. É uma grande feira ao ar livre, com diversas barracas de Queijos, Frutas, e os produtos tipicamente bávaros (alemães). 

 

Weisswurst (salsicha branca): não se esqueça que você DEVE retirar a pele da salsicha. Sem cerimônia, use as mãos e a faca para isso. 

 

Leberkäse: pão com um presunto grosso. 
Schweinsbraten mit Knödel: filet de porco assado com bolinhas de massa de pão ou de batata. 

Currywurst mit Pommes: Salsichas de Cachorro-Quente, com um molho picante e batatas fritas.Esse prato é encontrado em qualquer lugar da Alemanha. 

Cerveja: sente-se em uma das mesas e aprecie a cerveja alemã servida em canecas de 1 litro. 
Lembre-se que as mesas são compartilhadas por todos e sem atendimento de garçons. Pegue seu lanche, peça “licença” e sente-se.
Como chegar: qualquer U-bahn ou S-bahn para Marienplatz

 

Sistema de Transporte Público

Posted on

Entenda o Sistema de Transporte Público de Munique.


Munique tem diversas opções e como citei anteriormente, tudo seguindo pontualmente o horário.Nas plataformas do Metro, pontos de onibus,..todo lugar tem um painel digital indicando o horario do proximo embarque. Varias vezes eu ficava olhando pro relogio e pra rua “esse onibus não vai chegar, hoje ele vai se atrasar,..”. Pronto, não é queele chegava pontualmente. Por lado, essa pontualidade tem um preço, eles são incapazes de te esperar, mesmo que você esteja correndo e a menos de 5 metros do ponto de onibus. Eles fecham a porta e “tchau”, “pegue o próximo”.O S-Bahn (Suburban Train) é o metro vermelho e faz toda a ligação das regiões mais afastadas com o Centro. O S-Bahn, nada mais é que um “Metro de superficie”, tendo em vista que ele trafega 90% do tempo fora dos tuneis.

O U-Bahn (Urban Train) é o tradicional metro subterraneo, na cor azul e faz toda a ligação do Centro da cidade.O contraste entre as composições é curioso, pois algumas linhas operam com vagões da decada de 70, enquanto outras com vagões atuais e ultramodernos. Não se preocupe, ambos são confortaveis e num estado impecavel.

O StrasseBahn, ou Tram, VLT, Bonde Moderno,…isso mesmo, aquelas composições que dividem o asfalto com carros e onibus. São uma otima opção de conhecer a cidade sem ter que ficar gastando sapato pela rua. Tendo em vista que fazem seus trajetos pelo centro e vão parando em cada quarteirão.

Os onibus serão usados em regiões mais afastadas e pouco abastecidas de S-Bahn ou U-Bahn. Dificilmente, pra falar a verdade, nunca vi turistas nos onibus. Ate porque, todos Hoteis e Hostels ficam na região central. Porem se precisar, estarão lá, inclusive com linhas funcionando por toda a madrugada.

Como comentei anteriormente, o “Cartão do Dia” vale para TODOS os transportes públicos.

Porem se você estiver usando apenas um onibus ou um “bonde moderno”, você irá comprar seu ticket e validar no proprio transporte. O sistema funciona apenas com moeda e emitindo uma cartela com vários seguimentos. Na hora de validar (carimbar), você marca um segmento por ter embarcado + quantas zonas você irá percorrer. Dentro do “bonde” ou do onibus, tem um diagrama com as zonas (aneis).Ex. Você vai da Zona 4 ate a Zona 1. Nesse caso, vc conta 1 segmento por ter embarcado + as 4 zonas. Total de 5 segmentos.

Você não precisa, nem vai ficar dobrando a cartela e carimbando segmento por segmento. Voce simplesmente pula 4 e carimba o quinto segmento. 🙂

“Ah, vou andar de onibus apenas de um ponto ao outro. Não vou pagar” ou “vou entrar nessa estação de Metro e sair na proxima, pra que pagar?!” Pois bem, já fiz isso e fui pego justamente nesse momento. Era novato e tentei o famoso “Desculpa, sou turista. Não falo alemão, não entendo..”

Fiquei 40 euros mais pobre, fora a vergonha. Os fiscais estão uniformizados e na paisana, você nunca sabe quem e quando irão puxar a identificação do bolso, seguido do “seu Ticket, por favor”