RSS Feed

Tag Archives: dicas munique

Um passeio pelas Estacoes de Metro de Munique

Posted on

As estações de metrô são espaços pensados principalmente para prover mobilidade e servirem como zonas de transição para transeuntes. Porém, muitas estações de metrô ao redor do mundo tornaram-se não só pontos de chegada e partida, mas também atrações turísticas por si só.

Nas cidades onde os sistemas de transporte público são eficientes, muitos cidadãos se tornam dependentes do metrô. Mas, infelizmente, a grande maioria dos usuários de metrô não investe tempo extra para apreciarem as diversas artes que podem ser encontradas na arquitetura interna. Seja por falta de interesse, por não perceberem o valor ou estarem com muita pressa, as pessoas costumam simplesmente seguir seu caminho sem pararem para observar os detalhes.

Em inúmeros países, principalmente na Europa, equipes de arquitetos decidiram quebrar a monotonia e proporcionar experiências mais ricas e diversificadas ao público viajante, e o resultado se deu com estações de metrô completamente transformadas em espaços maravilhosos.

Jogos de cor, projeções de luz, jardins suspensos, exposições de arte, desenhos virtuosos ou museus

históricos, enfim, certas estações de metrô são formidáveis quando consideramos os trabalhos únicos que arquitetos fizeram para criar esses espaços subterrâneos.

Essas estações de metrô passaram a refletir o espírito das grandes cidades. Mas existem metrópoles cujas linhas subterrâneas são um espetáculo à parte. Seja em Estocolmo ou em Moscou, em Paris ou Montreal, algumas estações transformam a experiência de circular de trem por baixo da superfície em um deleite para os olhos.

Em Munique são 07 linhas de U-Bahn (metro), 08 linha de S-Bahn (trens de superfície), alem do Straßenbahn (Tram ou Bonde) e ônibus. Você pode utilizar todo o sistema de transporte publico, com um único ticket (Tageskarte ou Cartões Diários). Clique aqui o link e saiba um pouco mais sobre o sistema de transporte publico em Munique.

O passeio começa pela linha do U-Bahn U1 (verde) OLYMPIA-EINKAUFSZENTRUM em direção a MANGFALLPLATZ. Ou vice-versa, começando em MANGFALLPLATZ em direção a OLYMPIA-EINKAUFSZENTRUM

 

  • OLYMPIA-EINKAUFSZENTRUM (foto abaixo)
  • GEORG-BRAUCHLE-RING (foto abaixo)

 

  • WESTFRIEDHOF (foto abaixo)
  •  GERN (foto abaixo)

  •  ROTKREUZPLATZ
  • MAILLINGERSTRASSE
  • STIGLMAIERPLATZ
  • HAUPTBAHNHOF (ESTACAO CENTRAL)
  • SENDLINGER TOR
  • FRAUNHOFERSTRASSE
  • KOLUMBUSPLATZ
  • CANDIDPLATZ (foto abaixo)

  • WETTERSTEINPLATZ (foto abaixo)

  • ST.-QUIRIN-PLATZ (foto abaixo)

  •  MANGFALLPLATZ
    TROCA DE LINHA… U2 (VERMELHA)
     O PASSEIO COMEÇA EM FELDMOCHING E VAI ATE KOLUMBUSPLATZ (OU VICE-VERSA)
  • HASENBERGL (foto abaixo)
  •  DÜLFERSTRASSE (foto abaixo)

  •  HARTHOF
  • AM HART (foto abaixo)

    FRANKFURTER RING

  • MILBERTSHOFEN (foto abaixo)
  • SCHEIDPLATZ
  • HOHENZOLLERNPLATZ
  • JOSEPHSPLATZ
  • THERESIENSTRASSE
  • KÖNIGSPLATZ (foto abaixo)

 

  • HAUPTBAHNHOF (ESTACAO CENTRAL)
  • SILBERHORNSTRASSE
  • UNTERSBERGSTRASSE
  • KARL-PREIS-PLATZ
  • INNSBRUCKER RING
  • KREILLERSTRASSE
  • JOSEPHSBURG (foto abaixo)

  • TRUDERING (foto abaixo)
  •  MOOSFELD (foto abaixo)

  •  MESSESTADT WEST (foto abaixo)

  •  MESSESTADT OST
  • SENDLINGER TOR
  • FRAUNHOFERSTRASSE
  • KOLUMBUSPLATZ

TROCA DE LINHA… U3 (LARANJA) 
O PASSEIO COMEÇA EM MOOSACH E VAI ATE SENDLINGER TOR (VICE-VERSA)

  • MOOSACH (foto abaixo)
  •  MOOSACHER ST.-MARTINS-PLATZ (foto abaixo)

  •  OBERWIESENFELD (foto abaixo)

  •  OLYMPIAZENTRUM
  • PETUELRING
  • SCHEIDPLATZ
  • BONNER PLATZ
  • MÜNCHNER FREIHEIT (foto abaixo)

  • GISELASTRASSE
  • UNIVERSITÄT
  • ODEONSPLATZ
  • MARIENPLATZ (foto abaixo)
  •  GOETHEPLATZ
  • POCCISTRASSE
  • IMPLERSTRASSE
  • BRUDERMÜHLSTRASSE
  • THALKIRCHEN (TIERPARK) – ZOOLOGICO (foto abaixo)

  • OBERSENDLING
  • AIDENBACHSTRASSE
  • MACHTLFINGER STRASSE
  • FORSTENRIEDER ALLEE
  • BASLER STRASSE
  • FÜRSTENRIED WEST
  • HAUPTBAHNHOF (ESTACAO CENTRAL)
  • SENDLINGER TOR

TROCA DE LINHA… U4 (AZUL) 
O PASSEIO COMEÇA EM GARSCHING-FORSCHUNGSZENTRUM E VAI ATE SENDLINGER TOR (OU VICE-VERSA)

  • GARCHING-FORSCHUNGSZENTRUM
    GARCHING

  • GARCHING-HOCHBRÜCK
  • FRÖTTMANING 

  • KIEFERNGARTEN
  • FREIMANN
  • STUDENTENSTADT
  • ALTE HEIDE
  • NORDFRIEDHOF
  • DIETLINDENSTRASSE
  • MÜNCHNER FREIHEIT 
  • GISELASTRASSE
  • UNIVERSITÄT
  • ODEONSPLATZ
  • MARIENPLATZ 

  • GOETHEPLATZ
  • POCCISTRASSE
  • IMPLERSTRASSE
  • HARRAS
  • PARTNACHPLATZ
  • WESTPARK
  • HADERNER STERN
  • GROSS-HADERN 
  • KLINIKUM GROSSHADERN

  •  SENDLINGER TOR

TROCA DE LINHA… U7 (VERDE) 
O PASSEIO COMEÇA EM WESTFRIEDHOF E VAI ATE SENDLINGER TOR (OU VICE-VERSA)
* LEMBRANDO QUE AS ESTACOES MAIS INTERESSANTES DA LINHA U7  SAO WESTFRIEDHOF E GERN. AMBAS ESTACOES FAZEM PARTE DO ROTEIRO DA LINHA U1.

  • WESTFRIEDHOF

  •  GERN

  •  ROTKREUZPLATZ

    MAILLINGERSTRASSE

  • STIGLMAIERPLATZ
  • HAUPTBAHNHOF (ESTACAO CENTRAL)
  • SENDLINGER TOR
  • FRAUNHOFERSTRASSE
  • KOLUMBUSPLATZ
  • SILBERHORNSTRASSE
  • UNTERSBERGSTRASSE
  • KARL-PREIS-PLATZ
  • INNSBRUCKER RING
  • MICHAELIBAD
  • QUIDDESTRASSE
  • NEUPERLACH ZENTRUM

Munique – Cidade do estilo de vida

Posted on
weihnachtsmarkt-2015-2480
Knödel, Strudel, Schmankerl e cerveja – saboreando Munique

 

Comidas típicas da Baviera nos restaurantes e cervejarias, assim como especialidades de outros países nos Ristorantes, Sushibars e Tavernas, convidam para um tour de descobertas culinárias por Munique.

Antes de partir para uma volta ao mundo pela gastronomia internacional de Munique, é recomendável tomar uma deliciosa cerveja de Munique e testar um tradicional “Schmankerl”.

Seis grandes cervejarias fazem a fama da cidade como metrópole da cerveja: Augustiner, Hacker-Pschorr, Löwenbräu, Paulaner, Spaten e Staatliches Hofbräuhaus. Seja em um “Biergarten”, ao ar livre, na Oktoberfest, quando é servida a cerveja mais forte “Starkbier”, ou nos restaurantes tradicionais da cidade, não faltam oportunidades para provar a variedades de cervejas de Munique durante todo o ano.

Uma típica cervejaria de Munique serve pratos bem servidos em todas as variações. Quem prefere porções menores, pode pedir um “Brotzeit”, uma espécie de lanche bávaro: Rettich e Radieschen, dois tipos de rabanete, salsichas e queijo, pão Brezen fresquinho e pão preto, com “Schmalz”, um patê com gordura de porco, ou cebolinhas – tudo isso acompanhado de uma cerveja tirada na pressão, ou de um caneco de Radler, uma mistura de cerveja com refrigerante.

Muitos dos mistérios da cozinha internacional também podem ser descobertos em Munique: o amor pela cozinha “exótica” na cidade começou com os primeiros contatos com a Itália e outros países europeus. Hoje, diversas tratorias, restaurantes e bares, além de tavernas e bistrôs, já são considerados casas tradicionais de Munique. Atualmente, a escolha vai desde a costa do Atlântico até o Extremo Oriente, dando uma volta ao mundo pelas cozinhas da Europa até a Ásia ou África.

Slow or Fast – tradicional ou fusion, leve ou pesada, “haute cuisine” ou “Brotzeit” – a oferta abrange especialidades para todos os gostos. O ambiente também pode ser escolhido de acordo com as preferências, seja um templo gastronômico, um restaurante típico ou um café da moda.

É claro que a escolha número um continua sendo o clássico do verão, os “Biergarten”, onde os habitantes de Munique dividem com visitantes do mundo inteiro a mesma mesa e o mesmo banco nas cervejarias ao ar livre. À sombras das castanheiras, o cliente não só é servido com bebidas geladas, cerveja e especialidades bávaras, mas pode até mesmo trazer sua própria comida – uma particularidade da Baviera.

Já na primavera, começa a “quinta estação do ano”, cuja origem é a arte da fabricação de cerveja: a época católica do jejum é também a época da “Starkbier”, uma cerveja forte com maior teor de malte e álcool. Seguindo a tradição, durante o mês de março, todas as cervejarias da cidade servem esta cerveja muito nutritiva, que foi justamente criada por monges de Munique para suportar melhor as agruras da fase em jejum. O programa também inclui música e dança, completando a alegria.

 

Munique: qual a melhor região para se hospedar?

Posted on

É o tipo de pergunta que mee fazem o tempo todo e obviamente eu faço a meus amigos que moram em cidades que pretendo viajar.

Você quer praticidade, andar pouco e ter toda a malha de transporte público a sua disposição ?

Pois bem, não tenho dúvida que a região no entorno da Estação Central de Trens (Hauptbahnhof) é a melhor opção. De qualquer extremo da cidade que você esteja passeando, você irá encontrar um metro, um onibus ou um bonde que tenha o “Hauptbahnhof” como destino.

É obvio que nessa região, não espere encontrar esquilos saltitantes em um belo jardim na frente do Hotel. Lembre-se: você está no marco zero da cidade, chegada e saida de milhares de turistas. Isso serve para todas as cidades no mundo, as redondezas das Estações Centrais são sempre feias. Porém você está em Munique, você não precisa se preocupar em andar de noite por essa região. Roubo zero, ok !?!

A opção de Hostels e Hoteis com preços baixos é maior nessa região citada. É praticamente um Hotel colado no outro, com muita opção de resturante e “fast food”

Se você prefere um lugar menos tumultuado, evitando a Estação Central. Se Hoteis na região central estão lotados (acredite, na Oktoberfest não tem nem casinha de cachorro disponivel), .. Enfim, a segunda dica é procurar hoteis que estejam proximos as estações em destaque no mapa abaixo, de Pasing ateOstbahnhof. Por que ? Simples, observe que a rede de metro continua intensa nessas estações. Ou seja, você não precisa ficar esperando 20 minutos pelo proximo metro, pois é o que acontece quando voce só tem uma linha de metro para sua região. Nessas estações que destaquei no mapa (essas capsulas brancas), você tem metro de 2 em 2 minutos.

Ficar no fim de linha de metrô é, de fato, uma chatice. Você começa e termina o seu dia com aquela mesma seqüência interminável de estações (a gente se sente como se fosse para o trabalho). Passar no hotel no meio do dia para buscar algo que esqueceu acaba se tornando uma novela e tomando um tempo e uma energia que custam muito mais do que a diferença do que você pagaria por um hotel mais central.

Se você prefere ficar numa região agitada à noite, não apenas para agitar de fato, como também para se sentir em segurança em ruas que não morrem cedo , escolha Karlsplatz ou Sendlinger Tor. De preferência próximo a avenidaSonnenstraße.

Quer dormir e acordar praticamente dentro da Oktoberfest ? Então procure algo proximo a Theresienwiese ou um hotel que tenha a linha U4 e U5 por perto. Todos os hoteis costumam indicar em seus websites “estamos a 3 minutos da estação de metro tal e tal”.

A outra opção é a estação de Hackerbrücke. Esse local é marcante pela imensa ponte de ferro que atravessa as linhas de trem que abastecem a Estação Central. Em Hackerbrücke, você caminha de 5 a 10 minutos e já está dentro da Oktoberfest.

Quer dormir e acordar num lugar lindo? Abrir as cortinas e ter um belo lago como cenário ? Ou você esta de carro e quer fazer um tour pela Bavária ? RecomendoStarnberger See ou Ammersee. Lembre-se que nessa região temos uma linha de metro para cada lago citado, porém estamos bem afastados do centro. Algo em torno de 30 minutos de Metro, porém com a Autobahn muito próxima.

Cervejas da Oktoberfest

Posted on

Você sabia que apenas 06 Cervejarias participam da Oktoberfest e todas são de Munique ? A escolha segue o estatuto da festa: é preciso ter tradição comprovada e seguir as leis de pureza de Munique e da Alemanha. As eleitas são:AugustinerPaulanerHofbräuSpaten-FranziskanerHacker Pschorr eLowenbrau.

A cerveja por excelência do Oktoberfest é conhecida como Märzen, porque se produz em Março (März em alemão). A Cerveja Märzen é um pouco mais forte que a média das cervejas. No séc. XVII os produtores de Cerveja bávaros inventaram um sistema de produção que evitava a perda do sabor e da quantidade de álcool da Cerveja para que se pudesse beber entre Setembro e Outubro.

AUGUSTINER
As Augustiner mais conhecidas são a Augustiner Helles (5,2%) clara e suave, e a Edelstoff (5,6%) um pouco mais forte e doce. Outro destaque desta marca é a Augustiner Weissbier, a tradicional do Oktoberfest. Esta última e a Edelstoff são as únicas que são servidas nos tradicionais barris de madeira.
Festhalle (tenda) onde pode encontrar: Augustiner Festhalle e Fischer-Vroni.

PAULANER
A Cerveja do Oktoberfest é a Paulaner Amber (5,8%), menos forte que as restantes Cervejas que se servem no Oktoberfest e provavelmente a mais famosa. Tem uma caractrística cor ambar escura e um sabor mais suave que as outras Cervejas que se podem beber na Festa.
Festhalle (tenda) onde pode encontrar: Armbrustschützenzelt, Winzerer Fähndl e Wies’n Käfer de Schänke.

HOFBRÄU
Em 2008 ganhou a medalha de ouro no Festival Mundial da Cerveja. E como resistir a provar uma das melhores Cervejas do mundo? Hofbräu, tal como a Spaten-Franziskaner, produzem uma Märzen ligeira, elaborada exclusivamente para satisfazer a variedade do público internacional da Oktoberfest.
Festhalle (tenda) onde poderá encontrar: Hofbrau Festzelt.

SPATEN-FRANZISKANER
As suas Cervejas mais famosas são a Pils (0,5%) que foi a primeira cerveja elaborada em Munique, e Oktoberfestbier (5,7%) que é mais forte e com uma cor mais “pálida”. A Cerveja especial desta marca é a Diät Pils (4,9%), pode ser consumida por diabéticos pois só tem 32 calorias. Sim, também se pode manter a dieta no Oktoberfest.
Festhalle (tenda) onde poderá encontrar: Hipodromo, Schottenhammel, Ochsenbraterei / Spatenbräu

HACKER-PSCHORR

Hacker-Pschorr fermenta três vezes mais do que uma Cerveja normal, o resultado é uma Oktoberfest Märzen (5,8%) com um agradável sabor ainda que ligeiramente amargo, que combina bem com a comida servida no Festhalle.
Festhalle (tenda) onde poderá encontrar: Hacker-Festzelt, Bräurosl

LOWENBRAU
A sua especialidade para o Festival é a Wiesenbier (6,1%) que se refere ao nome Oktoberfest para os bávaros “Wiesn”. A Wiesenbier é clara, brilhante e tem um teor alcoólico superior à média.
Festhalle (tenda) onde a pode encontrar: Schützen-Festzelt, Lowenbrau-Festhalle.

# NÃO SE ESQUEÇA: a Cerveja servida na Oktoberfest é mais forte do qualquer outra cerveja que você já bebeu na sua vida, ainda mais sendo servida em Canecas (Mass) de 1 litro. A notícia boa é que a ressaca é zero.

Cardápio da Oktoberfest

Posted on
O que comer na Oktoberfest???
– Pommes Frites: Batatas-Fritas tamanho XXL
– Brezn: pãozinho tradicional da Baviera, coberto com Sal grosso e em formato de um laço-coração  Dentro das Tendas eles são vendidos pelas “Brotfrauen”
– Brathähnchen: o famoso Frango assado de Padaria. São mais de 500mil frangos consumidos na festa;

– Steckerlfisch : Peixe (cavala) defumada no espeto.

– Eisbein mit Sauerkraut: Joelho de Porco com Repolho.

– Bratwurst mit Semmel: Cachorro-quente com Salsicha Alemã

– Wiener Schnitzel: Filés de Porco empanados; sendo o prato mais tradicional austríaco
– Leberkäse mit Semmel: imagina um sanduiche com um Presunto de 1 polegada.

– Käseknödel: Bolinho de Queijo. Na verdade bolão, do tamanho de uma bola de Tênis.

– Zwiebelkuchen: Bolo de Cebola.

– Lebkuchenherzen: Tradicional lembrança da Festa. Pão de Mel com formado de coração, com alguns dizeres no dialeto da Bavária.
– Apfelkuchen: a tradicional e melhor Torta de Maçã. Com a opção de cobertura de Chantily ou Sorvete de Creme.

– Frutas Açúcaradas ou cobertas com Chocolate: Lembra da Maça do Amor ? Então..

Castelo de Linderhof

Posted on

O Castelo Linderhof (Schloss Linderhof) é o menor dos três Castelos construídos pelo Rei Luis II da Baviera, mas o único que o monarca viu concluído. Esse Castelo além de ter uma bela arquitetura, impressiona pelo cenário. Amplos jardins, lago, fontes, cascatas e uma gruta artificial com rochas iluminadas que emolduram um lago menor.

As melhores vistas do Castelo Linderhof são as dos terraços e do templo de Vênus no outro lado desta piscina. Note-se a grande árvore impedindo a simetria – esta com 300 anos de idade, limoeiro ( Linde ) deu o palácio seu nome e não foi arrancada por insistência do Rei Ludwig II.
Atrás do palácio tem uma enorme cascata, onde a água cai por longos 30 degraus.O parque tem várias outras estruturas, aberto apenas no Verão, incluindo:

  • A Gruta de Vênus (Venusgrotto) – uma caverna artificial baseado no primeiro ato da ópera de Wagner Tannhäuser .
  • O Pavilhão Mourisco (Maurischer) – originalmente parte da Feira Mundial de Paris 1867, porém mais comprado depois pelo Rei Ludwig para o parque de Linderhof.
  • A Casa Marroquina (Marokkanisches Haus) – comprado por Ludwig II na Feira Mundial de Paris 1878, mas só erguido em Linderhof Park, em 1998.

Dica: aproveite e faça a visita aos dois Castelos (Neuchwanstein e Linderhof) no mesmo dia, pois a distância entre ambos é pequena.

Como ir: Trem de Munique (Estação Central) para Oberammergau, depois o ônibus 9622 de Oberammergau para Linderhof.

Tarifas e Zonas do Metro (S-Bahn)

Posted on

Algum tempo atrás, escrevi um tópico sobre o Sistema de transporte de Munique, inclusive com um mapa de todas as linhas. Agora vou explicar como funcionam as tarifas.
Os mapas abaixo serão úteis e não se assuste com a quantidade de informações nos mapas.

(Mapa 1) http://4.bp.blogspot.com/-RByE_MbiziE/Tst2KUfxSUI/AAAAAAAACa0/YHFMWmQ2gJg/s1600/munich_sbahn_map.jpg

(Mapa 2) http://www.mvv-muenchen.de/fileadmin/media/Dateien/plaene/pdf/TARIFPLAN_Plan_ENGLISCH_2012_Gesamt.pdf

(Mapa 3) http://www.mvv-muenchen.de/fileadmin/media/Dateien/plaene/pdf/TARIFPLAN_Handout_Innen_2012.pdf

Exemplo: digamos que estou em Petershausen e quero ir até Marienplatz (Centro da cidade). No Mapa 1, você já sabe que Petershausen fica no final da linha S2.
No Mapa 2, você pode observar que Petershausen fica no final do anel 12. Portanto você irá pagar 12 zonas. Nos terminais eletronicos para a compra de Tickets, você vai colocar a opção:
Diária, 03 dias, Semanal ou Mensal, depois disso irá colocar da Zona 12 até a Zona 01.
Lembrando que as estações dentro da area BRANCA (Mapa 01) estão na area “Inneraum” (Interna).
No Mapa 2, estão representadas pelas zonas de 1 a 4.
Se você está dentro dessa “area branca” você irá usar o Mapa 3.

Calma, respira..acredite, não é dificil. Mesmo tendo Mapa 1, Mapa 2 e Mapa 3, o sistema funciona perfeitamente e de forma prática. Essa contagem de anéis é mais importante para quem compra o Ticket Semanal ou Mensal. Se for o Ticket diário ou o para 3 dias, você só precisa saber se você irá ficar no “Inneraum” ou na “München XXL”.

Segue abaixo os preços para o Ticket diário (Tageskarten):
Sozinho: 5,60 € (Inneraum – Interno) e 7,50 € (München XXL – Externo)
Familia: 10,20 € (Inneraum – Interno) e 13,10 € (München XXL – Externo)

Não se esqueça que esses valores são das 06hs da manhã até às 06hs do dia seguinte (24hs), ida e volta, podendo usar em todos os transportes públicos (metro, bonde e onibus) e diversas vezes durante o mesmo dia. O Ticket-Familia é para 05 adultos, cada 02 crianças equivalem a 01 adulto.

Na dúvida, é só escrever que terei o prazer em ajudá-lo.